Fandom

Wiki Narutoworld

Clã Ōtsutsuki

173 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Falar0 Compartilhar

Clã Ōtsutsuki (大筒木一族, Ōtsutsuki Ichizoku) é um clã originário de outro mundo, tendo chegado à Terra cerca de mil anos atrás. Vários membros deste clã têm fortemente influenciado tanto os shinobi, e o mundo em geral com suas ações, resultando no mundo em que conhecemos hoje.[1] Alguns membros do clã tendem a ter pele pálida e parecem ser adaptados para viver em ambientes inabitáveis, como a Lua. Eles são também progenitores de notáveis clãs como os Senju, Uzumaki, Uchiha, Hyūga e Kaguya. Eles também são os criadores das marionetes.

O clã em si é quase extinto em nome, mas é ainda existente através da linhagem de Hamura, com o único membro, Toneri Ōtsutsuki. Contudo, o status da linhagem sanguínea do clã continuou existente na Terra através de Hamura e Hagoromo, mesmo o clã tendo se dividido em vários outros com o passar do tempo.

História Editar

Desde um tempo inespecífico no passado distante, os Ōtsutsuki tem viajado por distintas dimensões, vasculhando mundos em que a Árvore Divina se encontra. Ao encontrarem tal mundo, eles colhem o fruto da Árvore Divina para que possam utilizar o seu chakra para adquirir poder e prolongar suas vidas. No caso de Momoshiki, Kinshiki e seus ancestrais, eles a manteriam em um mundo até que a Árvore Divina estivesse morta e o mundo não pudesse mais sustentar vida, até um ponto no qual eles procurariam por um outro mundo. No caso de Kaguya, ela escolheu permanecer no mundo que ela encontrou, Terra, e começar a fortificá-la para quando Momoshiki e outros viessem atrás do fruto da Árvore Divina da Terra.

Após consumir um dos frutos da Árvore Divina, Kaguya utilizou o chakra adquirido para finalizar a guerra constante na população humana terrestre. A paz mundial foi alcançada e a humanidade inicialmente considerou Kaguya como uma divindade benevolente. No entanto, o método de Kaguya de manter a paz por meio da escravidão do mundo em um sonho foi visto como um abuso despótico de seu poder. Quando ela então começou a converter os aprisionados nos sonhos em um Exército de Zetsu Branco - o qual ela pretendia utilizar para colocá-lo contra a futura chegada de Momoshiki - a percepção popular sobre Kaguya decaiu de uma deusa para de uma demônio. Ainda assim, a humanidade não podia se opor a ela.

Posteriormente, Kaguya deu a luz a gêmeos, Hagoromo e Hamura, ambos nascidos com seus próprios chakra. Kaguya tinha inveja do fato de eles terem herdado o seu poder e então posteriormente se juntou à Árvora Divina, quando seus filhos contrariaram seus comandos e seus planos, tornando-se um monstro chamado Dez-Caudas. O Dez-Caudas aterrorizou o mundo até que Hagoromo e Hamura o derrotaram com seu Seis Caminhos — Chibaku Tensei, resultando na criação da Lua. O chakra do Dez-Caudas foi selado em Hagoromo enquanto sua casca, a Estátua Demoníaca do Caminho Exterior, foi colocada na Lua. Hamura deslocou-se para a Lua com a maioria dos outros Ōtsutsuki fixados na Terra para que então pudessem proteger a Estátua Demoníaca e então eles não interfeririam nos planos de Hagoromo para a população humana.

A humanidade reverenciou Hagoromo pela sua atribuição em impedir o Dez-Caudas e o consideraram como o "Sábio dos Seis Caminhos". Ele compartilhou o seu chakra com as outras pessoas e lhes ensinou o ninshū, um meio pelo qual ele podiam usar seus chakra para compreenderem melhor uns aos outros e preservarem a paz. Chegando ao fim de sua vida, Hagoromo dividiu seu chakra em nove bestas com cauda, como uma forma de garantir que o Dez-Caudas, e consequentemente Kaguya, não revivesse. Antes de sua morte, Hagoromo desconsiderou seu filho mais velho, Indra, e confiou a sua missão de paz para o seu filho mais novo, Asura. Hamura também veio a morrer, porém não antes de confiar a seus companheiros Ōtsutsuki a função de supervisão da humanidade.

Os respectivos legados de Hagoromo e Hamura foram corrompidos ao longo do milênio seguinte: na Terra, o ninshū de Hagoromo foi redefinido comoninjutsu, o qual os humanos e os próprios descendentes dos Ōtsutsuki (os clãs Senju, Uzumaki, Uchiha, Hyūga e Kaguya) utilizaram para guerrear, iniciando a era dos shinobi; na Lua, os Ōtsutsuki dividiram-se em famílias "Principal" e "Secundária", com a Secundária acreditando erroneamente que Hamura desejava que eles destruíssem a Terra caso os humanos demonstrassem-se indignos dos ensinamentos de Hagoromo. A Família Secundária guerreou contra a Principal devido às suas diferentes interpretações e eventualmente tornou-se vitoriosa, apesar de ficarem à beira da extinção após o conflito.

Centenas de anos após a derrota do Dez-Caudas, membros do clã Ōtsutsuki retornaram para a história humana: Kaguya foi revivida no final da Quarta Guerra Mundial Ninja e a mesma tenta criar um novo Exército de Zetsu Branco, porém é novamente derrotada, desta vez por Naruto Uzumaki e Sasuke Uchiha, as reencarnações de Asura e Indra respectivamente; dois anos depois, o último dos Ōtsutsuki na Lua, Toneri, tenta usar a Lua para destroir a Terra por acreditar que se tratava do desejo de Hamura, mas ele é impedido por Naruto e os verdadeiros desejos de Hamura retransmitidos a ele através de Hinata Hyūga; após mais de uma década, Momoshiki e Kinshiki chegam na Terra e começam uma tentativa de extração do chakra do mundo, mas são impedidos por Naruto, Sasuke e Boruto Uzumaki.

Habilidades Editar

A maioria dos Ōtsutsuki possui pele pálida, também sendo comum tendo chifres em suas cabeças. Além da

Download.jpg

O principal dōjutsu do clã, o Byakugan.

aparência, é difícil discutir sobre os Ōtsutsuki já que nem todos eles possuem as mesmas habilidades e as mesmas habilidades que eles possuem precedem os atributos modernos utilizados pelos shinobi. Todos Ōtsutsuki pelo menos possuem uma habilidade inata, sendo o Byakugan o mais predominante; Kaguya possui o Rinne Sharingan e uma habilidade predecessora do Shikotsumyaku; Hagoromo e Momoshiki possuíam o Rinnegan, apesar de despertarem em diferentes partes de seu corpo e de cores distintas.

Momoshiki alega que as mais fortes habilidades do Ōtsutsuki são a sua capacidade de utilizar chakra, adquirir força, juventude e longevidade ao ingerir chakra. De fato, durante a Quarta Guerra Mundial Ninja, aqueles com o chakra do Dez-Caudas e até mesmo a própria Kaguya eram insuperáveis para quase toda habilidade shinobi e foi apenas pelo Chakra dos Seis Caminhos que ela foi por fim derrotada. Os Ōtsutsuki aparentam permanecerem imprecedentemente resilientes até mesmo após suas mortes: a alma de Hagoromo vivia através de seu chakra, o qual viajava pelo tempo para que ele então pudesse resolver algumas situações que persistiram após sua morte; a alma de Hamura manifestou-se em Hinata Hyūga por um propósito semelhante, oferecendo-lhe as razões para impedir Toneri; o chakra de Indra e Asura repetidamenterenascem em seus descendentes para que então eles pudessem resolver a sua antiga competição.

Os Ōtsutsuki são muito engenhosos, algo evidenciado pela sua habilidade de facilmente viajar por dimensões desde antes da história registrada. Eles eram capazes de colonizar a Lua pela criação do Tenseigan de Hamura, o qual eles posteriormente fortaleceram ao longo dos séculos ao estocarem seus Byakugan em seu interior. Através do Tenseigan, eles receberam luz, um ambiente habitável para eles, outra fauna e flora, poder para seu equipamento e a habilidade de controlar os movimentos da Lua. Eles também podem usar o Tenseigan para remotamente controlar os seus autômatos, uma precursora muito mais avançada da Técnica de Marionetes do shinobi. Quando eles estavam vivos, Hagoromo e Hamura cada um utilizaram diferentes selos para conceder ou restringir chakra, alguns dos quais persistiram ou foram redescobertos muito tempo após suas mortes.

Curiosidades Editar

  • "Ōtsutsuki" (大筒木) significa "árvore de bambu grande" e é derivado de uma obscura passagem no segundo volume do Kojiki sobre as genealogias do Imperador Suinin, décimo primeiro imperador do Japão, que afirma que teve uma consorte chamada Kaguyahime no Mikoto (迦具夜比売命), a filha de um rei chamado Ōtsutsukitarine no Miko (大筒木垂根王); a tradição diz que estes indivíduos serviram como base para a princesa Kaguya e o velho cortador de bambu no Conto do Cortador de Bambus.
  • Durante a guerra civil do clã, a família principal e a família secundária usavam emblemas diferentes para separar um do outro: a família principal usava um raio de sol de oito pontas, enquanto a família secundária usava uma combinação dos símbolos dos Seis Caminhos do Yin e Yang, um sol e uma Lua crescente.
  • O nome do clã é romanizado como Ootutuki no Jin no Sho.
  • Os confrades Ōtsutsuki vestiam quimonos cerimoniais (com várias decorações nas costas), com uma faixa presa sobre seu ombro direito, e uma sandália shinobi. Em batalhas, eles vestiam um turbante, uma máscara sobre metade de suas faces, um colete branco, uma faixa, calça e camiseta de manga longa roxas com bandagens sobre seus braços e pés. Além disso, também utilizavam mantos longos para o nível comandante.
  • Hinata é referida por todo o clã como a "Princesa do Byakugan" (白眼の姫, Byakugan no HimeLiteralmente significa: Princesa dos Olhos Brancos). A razão para o título não é explicada, mas provavelmente devido a ela ser imune ao chakra de Toneri e a única pessoa que pode destruir o Tenseigan.

Referências Editar

  1. ↑ Quarto Databook, páginas 216-217

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória